#Mineralogia - Propriedades Físicas dos Minerais :: Fratura e Partição - Sobre Geologia

11/03/2017

#Mineralogia - Propriedades Físicas dos Minerais :: Fratura e Partição

Fratura


É a forma em que o mineral tende a se partir, sendo que não há paralelismo entre os planos formados(quando houver planos), pois isto se refere a propriedade de clivagem, que será explicada aqui no blog. Diversos minerais possuem fraturas que podem ser características na identificação dos mesmos. Além disso, podem existir tipos de fraturas que são recorrentes em alguns minerais, caracterizando uma espécie.

A fratura ocorre quando as forças de ligação entre as partículas que compõem o mineral possuem mesma intensidade em todas as direções, por isso demonstra uma irregularidade em sua feição. Portanto, a quebra ocorre em qualquer direção, resultando no não-paralelismo entre as linhas ou planos formadas.

Existem vários tipos de fraturas, tais quais:

  • Conchoidal(concoide): linhas que se assemelham a superfície interna das conchas. Ex. Quartzo, Granada;
  • Irregular: superfícies rugosas, sem nenhum padrão visível. São bem comuns. Ex. Turmalina, Quartzo, Feldspatos;
  • Fibrosa: o mineral se rompe exibindo fibras. 
  • Serrilhada: superfícies dentadas, irregulares, com bordas cortantes. Ex. Ouro;

As fraturas conchoidal e irregular são as mais comuns, pois são justamente que caracterizam o grupo do Quartzo, sendo os seus minerais um dos mais abundantes da crosta terrestre, tornando esses tipos de fraturas as mais conhecidas.

Importante notar que, muitos minerais apresentam mais de um tipo de fratura, isso é algo recorrente. As amostras das fotos abaixo, pro exemplo, possuem tanto fraturas irregulares quanto conchoidais, sendo que umas são mais evidentes que outras em cada imagem.

Amostra de Quartzo com fratura irregular.
Fonte: Blog Sobre Geologia

Fratura conchoidal em uma amostra de Ônix, uma espécie de Quartzo.
Fonte: Blog Sobre Geologia


Partição


A partição, assim como a clivagem, está relacionada com os planos cristalográficos de um mineral, porém esta propriedade não é tão desenvolvida como a clivagem, e frequentemente é confundida com ela.  Essa propriedade tem como principais causas a existência de planos de geminação do mineral e também o aumento da pressão que é imposta no mesmo.
    A partição não é uma propriedade que recorre em todas as espécies do mineral,  outros podem possuir, assim como alguns não. Esta também pode ser classificada, alguns exemplos são: a partição octaédrica do mineral Magnetita e a basal do grupo dos Piroxênios

Referências

  • DANA, James. HURLBUT, Cornelius. Manual de Mineralogia 1ª Ed. 1969;
  • KLEIN, Cornelis. DUTROW, Barbara. Manual de Ciência dos Minerais 23ª Ed. 2012;
Escrito por Rangel Santos
Editado por Rafael Ladeia

Nenhum comentário:

Por favor, duvidas, sugestões e comentários construtivos serão sempre bem vindos :)